0Item(s)

Nenhum produto no carrinho.

Product was successfully added to your shopping cart.

6 Produto(s)

           
Publicado em Novidades Por Santapele Admin

A vida lúdica do açúcar

14/09/2018 11:34

Desde criança, momentos de alegria são rodeados por doces. Presentes em festas de aniversário, oferecidos como recompensa para um bom comportamento ou simplesmente para demonstrar afeto, os doces viram sinônimos de felicidade. A sedução por trás do açúcar também é ligada aos seus personagens animados favoritos, muitas cores, balões, brinquedos, festas, enfim tudo que seduz uma criança. O que fica difícil na vida adulta, é encarar o fato de que doce vira não só uma muleta emocional, mas o causador de outros problemas como: ganho de peso, enxaqueca, envelhecimento precoce, rugas, estrias, celulites, hipoglicemia, diabetes e até câncer. Açúcar não nutre e, mais do que isso, no passado era considerado droga.

O açúcar dá uma certa bobeira mental, cientificamente explicada pelo encontro da insulina com um aminoácido chamado triptofano, que é rapidamente convertido no cérebro em serotonina, um tranquilizante natural.

Na Índia, alguns séculos antes de Cristo, os médicos usavam o açúcar como remédio. Foi só ali perto do ano 600 que os persas bolaram a rapadura, daí começou o tráfico. Na Europa não tinha açúcar, era importado e custava muito caro e só os nobres podiam comprar: ‘nada de drogas para os pobres.

Em 1665, a Inglaterra já importava 8 milhões de quilos por ano. Nesse mesmo ano, a peste bubônica matou 30.000 pessoas em Londres, pessoas que tinham acesso ao açúcar, porque no campo, entre os pobres, ninguém morreu.

Será que ninguém desconfiou da relação da nova doença e o espantoso consumo de açúcar? Já que o açúcar predispõe o corpo a infecções por causa da acidez exagerada que ele provoca. Desconfiaram, mas ficaram calados pois seria um crime de lesa-majestade insinuar que a Coroa enriquecia às custas de um vício pernicioso. E aí ficou por isso mesmo e está assim até hoje.”

           
Publicado em Categoria 2 Por Santapele Admin

Água com limão espremido elimina as toxinas e é extremamente benéfico para o corpo.

Um dos melhores e mais fáceis segredos de saúde e bem estar, é beber meio copo de água morna com meio limão espremido toda manhã em jejum. Este simples elixir ajuda a eliminar os materiais indesejados e as toxinas do corpo. Mesmo o limão sendo ácido, uma vez ingerido, ele tem o pH mais próximo de seu sangue e assume o papel de um purificador dele. Ele é um ótimo antisséptico e também maravilhoso para as pessoas que têm problemas cardíacos, devido ao seu alto teor de potássio.

A American Cancer Society recomenda água quente com limão para os pacientes com câncer, pois ajuda a estimular os movimentos intestinais. Por isso ele também previne a constipação e diarreia.

As qualidades digestivas do suco de limão ajudam a aliviar os sintomas de indigestão, como o ardor no estômago, os arrotos e a distensão abdominal. Fortalece o fígado e ajuda a reduzir a dor e inflamação nas articulações e joelhos.

Limões são ricos em vitamina C e por isso rejuvenescem a pele de dentro para fora, dando brilho ao seu rosto e combatendo acne e rugas. É também ideal na luta contra os resfriados. São ricos em potássio, que estimulam o cérebro, a função nervosa e controla a pressão arterial.

O ácido ascórbico (vitamina C) encontrado nos limões possui efeito anti-inflamatório e é utilizado como apoio complementar para a asma e outros problemas respiratórios. Além de melhorar a absorção de ferro no organismo, ele é uma peça fundamental na função imune.

Um dos principais benefícios de se beber água com limão espremido, é que ele também ajuda na perda de peso. Ele é rico em fibra pectina, que ajuda a moderar os desejos impulsivos de se comer exageradamente.

           
Publicado em Categoria 2 Por Santapele Admin

Entrevista Luisa Accorsi

09/08/2018 12:35

Assista a entrevista completa da blogueira Luisa Accorsi para Santapele.
           
Publicado em Novidades Por Santapele Admin

Energia Vital

01/08/2018 19:02

Você dorme 8 horas por noite e mesmo assim acorda cansado? Tende a ser pessimista? Fica doente com facilidade? Tem brancos ou falhas de memoria com frequencia? Sente que não tem magnetismo? Não consegue alavancar nenhum projeto ou carreira? Sente medo de muitas coisas? Tende a ficar triste com facilidade?

Podemos estar comendo bem, respirando bem e dormindo bem, mas mesmo assim nao termos o pique que estas recargas potencializam.

Neste caso, pode ser que sua energia vital esta comprometida.

Energia psíquica ou energia vital é o termo utilizado para designar os aspectos da suposta energia gerada pelo pensamento e as emoções.

A energia vital, como o próprio nome diz, é a energia alimentada pela conexão com a vida. Ela é fundamental, pois é a partir dela que provem a força para manifestar tudo que quer em sua vida, é com a ajuda dela que passamos por desafios, e com esta energia que seguimos o caminho de nossa alma.

Essa energia entra pela nossa inspiração, percorre todo o nosso corpo revitalizando todas as nossas células, em todos os níveis, e ao expirarmos descarregamos toda a energia estagnada. É esse magnetismo que todo mundo tem que faz os olhos brilharem, que faz o corpo se mexer, que faz todos respirarem, se alimentarem e falarem.

De acordo com nossas escolhas diárias, podemos alimentar esta energia ou deixar que ela fuja do nosso corpo através de vícios, pensamentos negativos e obsessivos, maus hábitos, alimentação inadequada, vida atribulada, companhias tóxicas, falta de perdão, mentira pessoal, não vivendo no presente ou focando na vida do outro, por exemplo.

Além disso, pode-se criar os famosos bloqueios energéticos em certos pontos do nosso corpo e em consequência manifestam-se desarmonias a nível físico, emocional, mental e espiritual e que podem muito bem ser detectadas através de atitudes como: preocupação, medo, raiva, tristeza, baixa autoestima, stress, depressão, desânimo, etc. O mal gerenciamento e constância destas emoções vão gerar doenças e mais acontecimentos negativos em nossas vidas. O ciclo se alimenta.

O que fazer? Cultivando relacionamentos e ambientes positivos, ouvindo uma boa música, lendo um bom livro, desenvolvendo-se como pessoa, investindo no seu auto-conhecimento e conectando-se com a natureza são algumas boas dicas para alimentar a sua energia vital.

Lembre-se que seu estado emocional é o ponto de partida para tudo que acontecerá em sua vida pois a partir dele você saberá gerenciar situações desafiadoras e atrair mais positivas.

A paz, o bem-estar e a prosperidade dependem do seu equilíbrio.

           
Publicado em Novidades Por Santapele Admin

Água em Jejum

21/05/2018 14:40

Imagine não beber nada por oito horas. Bom, isto é basicamente o que acontece quando dormimos.

Tudo bem, poucas pessoas dormem oito horas por noite. De qualquer forma, na recuperação do sono o corpo vai desidratando aos poucos e precisa de líquidos para funcionar. A melhor opção ao acordar é beber pelo menos 500 ml de água.

A água ativa o metabolismo (em até 24%), hidrata as células, ajuda na eliminação de toxinas, energiza o cérebro, purifica o cólon e permite melhor absorção de nutrientes no sistema.

Beber água pela manhã pode proporcionar a cura ou o auxilia no tratamento das seguintes doenças: dores de cabeça, dores no corpo, problemas cardíacos, artrite, taquicardia, epilepsia, excesso de gordura, bronquite, asma, tuberculose, meningite, problemas no aparelho urinário e doenças renais, vômitos, gastrite, diarreia, diabetes, hemorroidas, todas as doenças oculares, constipação, útero, câncer e distúrbios menstruais, doenças de ouvido, nariz e garganta.

O método mais indicado, segundo a sociedade médica japonesa é o seguinte:

- Ao acordar, antes mesmo de escovar os dentes, tome 4 copos de água (160 ml);

- Limpe ou escove os dentes em seguida e não coma ou beba nada por 45 minutos;

- Tome café da manhã depois de 45 minutos;

- Depois do café, não coma ou beba nada nas próximas duas horas.

           
Publicado em Categoria 2 Por Santapele Admin

6 Produto(s)